quarta-feira, março 04, 2009

Extra treina repórteres para a convergência de mídias

O Extra expandiu para toda a redação – papel e online integrados – uma ideia do editor de Geral, Fábio Gusmão, que deu certo. O jornal carioca trabalha com “repórteres 3G”, fazendo matérias para qualquer plataforma, editando-as no local da cobertura e enviando-as à redação em tempo real. O nome 3G vem de Terceira Geração, o celular que permite fazer fotos, vídeos, áudios, conectar-se à internet e até, se for preciso, falar ao telefone. Nos carros de reportagem há um laptop que os torna “redações móveis”. O projeto teve início em janeiro, na editoria de Geral, com dois repórteres em locais avançados, Fernando Torres, na Baixada Fluminense, e Isabella Guerreiro, na Zona Oeste. Atualmente, todas as áreas do jornal já produzem esse tipo de conteúdo, depois de um treinamento para os repórteres serem capazes de produzir matérias para qualquer plataforma. Atualmente, outras áreas do jornal podem produzir esse tipo de conteúdo, depois de um treinamento dos repórteres. A filosofia é desmistificar a tecnologia, com uso inicial simplificado do equipamento; passar técnicas de filmagem para quem tem técnica de texto; e fazer com que o pessoal treinado seja multiplicador dessa informação. “É a difusão do conhecimento no melhor sentido. Não tem aquilo de quem sabe mais, e sim, de compartilhar. E o número de acessos, medido instantaneamente, dá ao repórter a repercussão imediata do seu trabalho, coisa que ele não tem no papel, e que motiva muito as pessoas”, completa Gusmão. “A notícia pode ser uma só, mas a forma de apresentá-la é variada”, diz Aloy Jupiana, editor-executivo para assuntos online, a respeito da linguagem especifica para cada mídia. Dois editores, Paulo Maurício Costa e Giampaolo Braga, editam o que for preciso e selecionam o que vai para o papel ou online. “Um treinamento desses prepara o repórter para o que a gente imagina ser o futuro da profissão”, assinala Octavio Guedes, editor-chefe do jornal.

Um comentário:

Luiza disse...

Matéria muito interessante. Parabéns pelo blog! Luiza Xavier, jornalista - Curitiba, PR